ROCK IN RIO LISBOA
FALTAM
 
19, 20, 27, 28 e 29 de MAIO 2016
Portugal MAIO 2016

GESTÃO DE RESÍDUOS

Implementado pela primeira vez no Rock in Rio – Lisboa 2008, o 100R marcou o início do projeto, unindo para sempre a história do evento à do selo, uma iniciativa da Sociedade Ponto Verde, entidade gestora de resíduos de embalagens de Portugal, que foi lançado no Brasil, no Rock in Rio 2011.

O plano de gestão de resíduos baseia-se nos três pilares da sustentabilidade: Económico, com a reutilização de materiais; Ambiental, com redução da quantidade de resíduos encaminhados para aterro, prevenção da geração de resíduos e produção de composto orgânico para uso em projetos de reflorestamento; e Social, com a doação dos materiais e alimentos excedentes no final do evento.
Para atingir a meta de valorizar e reciclar os seus resíduos, o Rock in Rio implementará, em conjunto com a Sociedade Ponto Verde, Câmara de Lisboa e Valorsul, uma série de medidas que vão desde a formação de todos os envolvidos na produção e separação dos resíduos do evento à sensibilização do público, peça fundamental para o sucesso desta grande operação.

Para alcançar o objetivo de aumentar a taxa de redução, reutilização, valorização e reciclagem em todas as edições são tomadas as seguintes medidas:

– Plano de gestão de resíduos rigoroso para todos os parceiros e organização;
– Parcerias com entidades de recolha e tratamento de resíduos, públicas e privadas;
– Acompanhamento dos trabalhos de montagem e desmontagem;
– Formação e informação aos operadores de lojas, stands e fornecedores;
– Doação de materiais no final do evento;
– Doação de alimentos excedentes a instituições de solidariedade social;
– Ações especiais para o público do Rock in Rio.

Com estas ações, já enviámos 1.173 toneladas de resíduos para reciclagem ou a valorização nos quatro países em que ocorreu, o que corresponde a 70% dos resíduos produzidos.

Evento com o selo:


3R6_CORESspv

 

Auditado por uma Entidade Externa