ROCK IN RIO LISBOA
FALTAM
 
19, 20, 27, 28 e 29 de MAIO 2016
Portugal MAIO 2016

POR UM MUNDO MELHOR

O Rock in Rio é um veículo de comunicação de emoções e de causas. Utilizando a música como linguagem universal, o seu poder serve para reunir pessoas e emocionar não só o público, mas também impactar a vida de quem precisa.Foi a partir da 3º edição no Rio de Janeiro em 2001 que o Rock in Rio consolidou o projeto Por Mundo Melhor, que nasceu para usar a força do festival e motivar as pessoas a encontrarem formas de melhorar a sua vida através de mudanças quotidianas.Tudo começou com um movimento inédito, 90 milhões de pessoas uniram-se em torno de um gesto simples, mas com um significado poderoso: 3 minutos de silêncio, todos reunidos por um mundo melhor.Já naquela edição, parte do lucro do festival foi utilizado em projetos sociais.Desde então, para cá mais de 24 milhões de euros já foram investidos em ações que incluem a plantação de 304.435 árvores, a construção de uma escola na Tanzânia e de um centro de saúde no Maranhão, a educação de 3.200 jovens no ensino fundamental no Rio de Janeiro, a instalação de 760 painéis solares em 38 escolas em Portugal, a instalação em ONGs de 14 salas sensoriais para melhorar a qualidade de vida de milhares de criança portadoras de necessidades especiais em Portugal, a doação de mais de 2.200 instrumentos para cerca de 150 instituições sem fins lucrativos, a construção de 10 salas de música em escolas de Comunidades Pacificadas do Rio de Janeiro e a formação em assistente de Luthier de 40 jovens de uma das primeiras comunidades pacificadas do Rio de Janeiro.Mantendo o seu compromisso com as boas práticas sociais, económicas e ambientais, a partir de 2006, a organização do evento modernizou-se de forma a diminuir o impacto ambiental das suas ações, tendo investido num extenso plano para redução de emissões de CO2 do evento, na compensação das emissões de CO2 do festival, processo auditado por uma entidade externa, e fornece um plano de sustentabilidade para as empresas que trabalham no evento, de forma que as práticas sustentáveis façam parte da rotina dos seus fornecedores e parceiros. O Rock in Rio foi também o primeiro festival 100R, selo que garante a valorização e reciclagem do lixo produzido, tanto em Portugal como no Brasil, tendo hoje uma taxa média de reciclagem na ordem dos 70%.Em 2013 tornou-se no primeiro evento do continente americano com a certificação ISO 20121 – eventos sustentáveis, tendo assumido o compromisso de manter esta certificação em todas as edições.Música, consciencialização e ação. Isso é o Rock in Rio.